COMO AVALIAR MEU NEGÓCIO PARA VENDA?

07/11/2018

Uma das principais e talvez mais usadas maneiras para se chegar ao preço, é o calculo sobre o faturamento. Relatar o histórico de faturamento nos últimos 24 meses é uma das premissas, com essas informações podemos observar se houve aumento ou queda do faturamento, se essas alterações foram pontuais ou eventuais. Não é uma regra, nem deve ser o único fator para cálculo de valores dos comércios à venda, mas calcula-se que uma Empresa deva valer aproximadamente de 3 a 4 vezes o valor de seu faturamento mensal. Exemplo: Para um faturamento de R$ 50.000,00 mensais o valor seria de aproximadamente R$ 150.000,00 a R$ 200.000,00. Esses cálculos podem variar dependendo do ramo de atuação.

 

Um outro fator que devemos levar em consideração é a lei da oferta e da procura, vamos supor que o proprietário de uma pizzaria aqui da cidade de Limeira SP esteja interessado em vender seu fundo de comércio. Ele poderá nos procurar, pela nossa experiência poderemos informar como estão as ofertas e procuras de pizzarias em nossa região, assim, podemos ajudar a formatar um preço mais próximo à realidade.

 

Devemos levar em consideração ainda o potencial futuro do ramo de atividade e localização do ponto comercial, muitas vezes o Empresário sabe o que precisa para aumentar o faturamento de seu comércio, entretanto, já está cansado e desmotivado para tal ação, mas vale a dica ao Empreendedor, informe essas novas possibilidades para o comprador, ofereça um treinamento, isso irá valorizar seu comércio e o comprador se sentirá mais seguro.

 

Valor imensurável. Por quê as pessoas compram seus produtos ou serviços? É pela qualidade? Bom atendimento? É um serviço exclusivo? O que lhe diferencia dos concorrentes? Você está “atrás ou a frente” a seus concorrentes? Sua marca é forte no Mercado?

São perguntas a serem respondidas também na hora da formatação do preço. Empresas tradicionais que durante anos não falharam no atendimento e na prestação de serviços tendem a valer mais.

 

Já as melhorias no Imóvel não devem ser computadas, se você reformou, trocou pisos, pintou, colocou fachada ou algo parecido, infelizmente essas melhorias são incorporadas no Imóvel e não são calculadas na hora da venda, diferentemente de estoques por exemplo, que deve ser relatado detalhadamente.

Autor: André Assis - Radar Negócios

Contato

Obrigado por estar aqui, estamos ansiosos pelo seu contato =)